Bancário negro ganha menos do que branco no Brasil

postado em: Nacional, Racismo | 0

No Brasil, o racismo é ainda é uma triste realidade que precisa ser combatida diariamente. Os reflexos são sentidos quando o quesito é inserção da população negra no mercado de trabalho. No setor do financeiro não é diferente.

Nos bancos, o rendimento médio mensal dos negros em relação ao dos brancos é menor. Sempre. Em relação ao gênero também há desigualdade nos salários. As negras recebem 47% do que recebem os homens não negros.

Os homens não negros têm remuneração média de R$ 10.169,00 e os negros recebem R$ 7.938,00. A média salarial das mulheres não negras no setor bancário é de R$ 7.849,00, enquanto que as negras recebem, em média, R$ 6.363,00.

Os bancários negros também têm dificuldade de ascensão profissional e ocupam menos cargos de direção. Segundo o Dieese (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos), apenas 5% dos cargos de diretoria e superintendência, 15% das gerências e 17% de cargos de supervisão, chefia e coordenação são ocupados por negros nos bancos.

Fonte: Sindicato dos Bancários da Bahia (SBBA)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.