Pfizer alerta, Brasil não ‘escuta’

postado em: Saúde | 0

Segundo documentos enviados à CPI da Covid, a farmacêutica Pfizer alertou o governo de Jair Bolsonaro que as doses reservadas ao Brasil seriam distribuídas a outros países se não houvesse resposta às propostas. A Pfizer enviou um e-mail com os termos atualizados do acordo, ressaltando que o governo precisaria responder até 7 de dezembro e que, após essa data, as doses reservadas ao Brasil poderiam ser distribuídas a outros países. Ao todo, foram enviados sete e-mails a Bolsonaro, cobrando uma posição às propostas enviadas ao longo do mês de agosto, sem nenhuma resposta.

  • A CPI da Covid retorna nesta terça-feira (25) às 09h00 com o depoimento da “capitã cloroquina”, Mayra Pinheiro. Os senadores pretendem descobrir o que a secretária de Gestão do Trabalho e da Educação do Ministério da Saúde foi fazer em Manaus no início de janeiro, bem como suas ações em um dos momentos trágicos da pandemia no país.

Fonte: Sputinik Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.