Câmara dos Deputados aprova privatização da Eletrobras

Na última quarta-feira (19), a Câmara dos Deputados aprovou Medida Provisória (MP) que abre caminho para a privatização da Eletrobras. A oposição recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para tentar impedir a votação do texto, aprovado por 313 votos contra 166.

Caso seja aprovada, a MP estabelece que a União tenha sua participação na empresa reduzida de 60% para 45%. O processo de privatização seria realizado a partir da venda de ações da empresa na Bolsa de Valores de São Paulo, que não poderão ser adquiridas pela União ou por bancos públicos. A MP, no entanto, mantém o controle estatal da Eletronuclear, operadora das usinas de Angra 1, 2 e 3, e da hidrelétrica de Itaipu.

O líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), afirmou que a privatização trará cerca de R$ 25 bilhões aos cofres públicos.

Fonte: Sputink News

Imagem: Sputink News

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.