Governo redimensiona auxílio emergencial com 3 parcelas de R$ 200

Governo federal considera criar programa para realizar três repasses de R$ 200 para trabalhadores informais com baixa qualificação. O programa, que chamaria Bônus de Inclusão Produtiva (BIP), seria uma resposta do governo às pressões para prorrogar o auxílio emergencial, reportou a Folha de São Paulo.

O benefício será ligado ao programa Carteira Verde Amarela, que flexibiliza leis trabalhistas e exigirá realização de curso de qualificação profissional. O programa atenderia cerca de 30 milhões de pessoas que não se encaixam no perfil de beneficiários do Bolsa Família.

O BIP custaria aproximadamente R$ 18 bilhões aos cofres públicos, contra os R$ 293 bilhões repassados pelo auxílio emergencial.

Fonte: Sputnik News

Imagem: Sputnik News

Deixe uma resposta