MOMENTO BRASILEIRO: ALGUMAS REFLEXÕES ( Por Álvaro Barcellos )

postado em: Cultura, Nacional, Política | 0

Não é pelos 30 centavos…insistiam os caras que mais tarde passariam a ser conhecidos como MBL – grupo financiado para começar a ocupação das ruas com mentiras e manipulações grosseiras que acabariam no GOLPE contra Dilma, embora não houvesse prática de crime contra a administração pública (e somente isso poderia justificar o impeachment).

Em seguida, todavia, aquela impressionante marcha amarela – na época altamente impulsionada pela rede Globo e pela grande mídia em geral – passaria a mostrar sua cara horrenda: estava sim a serviço de poderosíssimos grupos econômicos dispostos e retomar por inteiro as rédeas do poder formal, voltando a controlar amplamente a corrupção, as benécias e favorecimentos históricos. 

Na época, o bloco oposicionista incluía o agronegócio, os banqueiros, o crime organizado, os fabricantes de armas e os neoevangélicos…a ponto de o BBB (boi, bala e bíblia) passar a hegemonizar o Congresso Nacional, assustadoramente atrasado, retrógrado e preconceituoso, servindo nitidamente aos interesses desses oligopólios. Não por acaso, acabaram por abraçar a candidatura de extrema direita, com forte perfil  NAZISTA e FASCISTA, e que venceu a eleição, passando a enterrar DIREITOS históricos dos trabalhadores, ATACANDO INCLUSIVE AS POSSIBILIDADES DE APOSENTADORIA, quebrando sua organização associativa e sindical, e ameaçando a própria justiça do trabalho. 

Nunca foi pelos 30 centavos – mesmo: a derrubada de Dilma (que criou fortes mecanismos de combate à corrupção, o que é admitido pelo comando da Polícia Federal) não apenas revela o DESCOMPROMISSO e DESRESPEITO com relação ao processo democrático por parte dos poderosos que comandaram o processo ardiloso e viciado. Além disso, Dilma:

 NEGOU-SE a entregar o Pré-Sal – por entender que pertence ao povo brasileiro;

COMBATEU a reforma trabalhista, que nos recoloca numa NEOESRCRAVIDÃO;

NEGOU-SE a fazer a reforma da Previdência, que condena o povo a trabalhar até os 65 anos de idade. Dilma, aliás, afirmava que tínhamos de cobrar a imensa dívida de grupos econômicos muito fortes com a previdência, por exemplo…

Para se ter uma ideia, a dívida que as megaempresas que FINANCIARAM o GOLPE acumulam ultrapassaria a marca de UM TRILHÃO e trezentos milhões…isso mesmo, mais de UM TRILHÃO!!!

Como se vê, nunca foi contra a corrupção…nem por 30 centavos!!! 

Fonte: Álvaro Barcellos – Poeta, Escritor e Apresentador do Programa Olhares na RádioCom

Deixe uma resposta