‘O governador revelou sua face perversa ao mandar PMs agredirem trabalhadores e estudantes’

“O governador revelou a sua face perversa ao mandar policiais militares agredirem piquetes de trabalhadores e estudantes com violência maior do que nos tempos sombrios da ditadura militar, deixando vários feridos”. A declaração é do presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo, que criticou Eduardo Leite (PSDB) pelas ações da Brigada Militar na manhã desta sexta-feira (14), quando dezenas de pessoas foram detidas e outras ficaram feridas em operação para dissolver piquetes em frente a garagens de ônibus.

Em todo os Estado, trabalhadores participam da greve geral convocada para esta sexta-feira em protesto contra a reforma da Previdência, proposta pelo governo de Jair Bolsonaro (PSL), e os cortes na Educação.

Foto: CUT-RS

Ainda para Nespolo, “Leite já tinha mostrado a sua face de maldades aos gaúchos, quando manteve a política de atrasos, parcelamentos e arrocho dos salários dos servidores e obteve maioria na Assembleia Legislativa, que aprovou o fim do plebiscito para privatizar a CEEE, CRM e Sulgás”.

A secretária de Formação da CUT-RS, Maria Helena de Oliveira, que participou de um piquete na garagem da Sudeste, na capital gaúcha, afirma que foi atingida com cassetete nas costas. “Eles bateram de forma covarde e truculenta, sem abrir qualquer espaço para dialogar com os rodoviários para que eles pudessem decidir sobre participar ou não da greve geral e defender o direito de se aposentar”, disse.

Fonte: SUL21

5 Respostas

  1. Não manuseia fuzil nem escopeta mata milhões de brasileiros só com uma caneta….

  2. Luiz fernando

    Falar destes Pe de porcos covardes da ate ancia de vômito….covardes sim, bandidos sim se escondem atrás de uma farda pra extrapolar suas raivas e suas incompetências incapacidades e suas,frustrações,sim frustrações pois são frustrados são explorados e usam a tal de cumprindo a lei enquanto passam fome estes letras, quando tem salário atrasados apelam pra sociedade e covardemente usam suas famílias pra isto…..o que esperar desta raça podre? Com a bandidagem viram tchutchucas

  3. Sempre com o mesmo conteúdo no discurso …A vitimização tem sido sempre colocada para fundamentar atos de Violência da oposição. ..A manifestação é livre, portanto não deve haver nenhum impedimento ( piquete) de quem não quer participar.. DIREITO DE IR E VIR está assegurado na CONSTITUIÇÃO!!!

  4. Quem e6 esse verme desse Luiz fernando pra falar mal dos Policiais militares, se tu não sabe essas pessoas que tu te referiu estão no mesmo barco que tu está só com uma condição, eles resolveram trabalhar, eles sabem limites e são regra dos por constituição e estatutos.
    Estas pessoas que tu esculachou te proteje quando estais em perigo mesmo sem saber a tua cor, sexo, religião, patido etc… e te deixam exercer o teu direito de manifestação desde que não interfira nos direitos dos cidadãos que não querem participar. NINGUÉM É OBRIGADO A PARTICIPAR DAS MANIFESTAÇÕES.
    Então esses trabalhadores que tu os ofendeu, estão ali pra garantir ambos direitos, os teus e os de quem quer seguir a sua rotina normal.
    Se alguém viu bala de borracha, gás de pimenta ou cacetetes, é porque estrapolaram seu limites…
    Então lava esta boca pra falar destes Profissionais da segurança que estão na ruas pra garantir a atua, da tua família e de todas as pessoas seus direitos e deveres….

  5. Luiz Henrique Audibert

    O velho discurso da esquerda, truculência, prepotência, abuso, mi mi mi mi. Para esses esquerdopatas vale somente o direito de fazer greve, não aceitam o direito de não fazer greve.

Deixe uma resposta