Indígenas realizam ato pela demarcação de terras já reconhecidas pela Funai

postado em: Sem categoria | 0

Indígenas da etnia guarani das aldeias localizadas na Grande São Paulo realizarão, nesta quinta-feira (24), um ato público para reivindicar a emissão do documento do Ministério da Jusitça que garante a demarcação das terras Tenondé Porã e Jaraguá, já reconhecidas pela Funai. O protesto sairá do Museu de Artes de São Paulo (Masp), às 17h.

Além disso, os indígenas também protestam contra decisão judicial que determina o despejo de cerca de 700 guaranis da aldeia Tekoa Pyau, localizada no Pico do Jaraguá (SP).

O ato ocorre uma semana depois do lançamento da Campanha Resistência Guarani SP, ocorrido na frente do Pátio do Colégio na última quinta-feira (17). Os Guarani também ocuparam, na mesma semana, o Museu Anchieta, no espaço interno do Pátio, em uma retomada simbólica do local onde iniciou a colonização das suas terras.

No vídeo oficial da Campanha, os Guarani enviaram presentes ao Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, para sensibilizá-lo, sendo o principal deles uma caneta decorada com trançado tradicional guarani: “Se o problema é a falta de caneta, mandamos essa bela caneta para ele assinar logo a nossa demarcação”, diz o vídeo.

Os indígenas ainda lançaram uma petição online pedindo apoio de todos na ‘reivindicação ao Ministro Cardozo’, prometendo enviar uma nova caneta para cada assinatura, que já chega à cerca de 3 mil.

<Serviço>

O que? Grande Ato da Resistência Guarani SP

Onde? Concentração no Vão Livre do MASP

Quando? Dia 24/04, a partir das 17hrs

Fonte: Brasil de Fato

ato-guarani_capa

Comentários estão fechados.