Frente de esquerda por reformas populares divulga primeiro documento

postado em: Sem categoria | 0

Fonte : Pulsar Brasil / Portal Fórum

Foto : Fernando Zamoura

Nesta quinta-feira (22), foi divulgada a primeira carta de intenções da Frente Pelas Reformas Populares, um coletivo formado por diversas organizações sociais e políticas de esquerda que pretende criar uma agenda de lutas pelo país em “defesa do trabalhador”.

O documento, assinado por 26 organizações, prevê um grande ato unificado, que deve ocorrer entre março e maio. A Frente estabelece, na carta, quatro grandes eixos de discussões e luta: Luta pelas Reformas Populares; Enfrentamento das pautas da direita na sociedade, no Congresso, no Judiciário e nos Governos; Contra os ataques aos direitos trabalhistas, previdenciários e investimentos sociais; e contra a repressão às lutas sociais e o genocídio da juventude negra e pobre e periférica.

A iniciativa da formação de uma frente de esquerda partiu do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), após o processo eleitoral de 2014. Com a adesão de outros movimentos, partidos políticos e centrais sindicais, há uma expectativa de que haja intensa participação popular nas ruas.

13nov2014-manifestantes-se-concentram-no-vao-livre-do-masp-na-avenida-paulista-em-sao-paulo-para-a-marcha-popular-pelas-reformas-nesta-quinta-feira-13-a-marcha-organizada-por-movimentos-1415914541117_615x300

Comentários estão fechados.