Dia mundial de combate a Hepatite

postado em: Sem categoria | 0

Palestra aborda o atendimento as hepatites na Atenção Básica 

 

No dia mundial de combate à hepatite, a Diretoria de Ações em Saúde e o Programa de Infecções Sexualmente Transmissíveis e Aids (IST/Aids), da Secretaria de Saúde, (SMS) promovem a palestra “Estratégias para simplificar o diagnóstico, ampliar a testagem e fortalecer o atendimento as hepatites virais na Atenção Básica”, com  o doutor em Hepatologia, Dimas Kliemann.

A palestra vai ser nesta terça-feira (31), às 8h30min, no auditório da Secretaria de Educação e Desporto (SMED), localizado na Praça 20 de Setembro, número 366.

Além de palestras a SMS realiza, em parceria com o laboratório Abbvie, distribuição de material educativo nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), conscientização os usuários sobre a hepatite e seus modos de prevenção.

Hepatite em Pelotas

Segundo dados da Vigilância Epidemiológica do município, dez pessoas foram diagnosticadas com a hepatite B em 2017 e outras quatro neste ano. Em relação a C, foram descobertos 148 novos casos no ano passado e 38 em 2018. No total. Somando todos os tipos, foram diagnosticados 160 novos casos em 2017 e 68 em 2018. A s vacinas contra a hepatite A e B então disponíveis no Centro de Especialidades e em todas as UBSs do município.

A dose contra a B pode ser feita em qualquer fase da vida, de forma gratuita. Já para A, após os quatro anos, 11 meses e 29 dias, é necessário uma prescrição médica.

Em trabalho conjunto com o Centro de Aplicação e Monitorização de Medicamentos (CAMMI), da UFPEL, é garantido o acesso imediato aos pacientes que apresentam diagnostico positivo de hepatite ao ambulatório.

 

 

Fontes: Diário da Manhã e Diário Popular 

Comentários estão fechados.