Deltan recebeu por palestra secreta com a XP Investimentos com direito a hotel e motorista particular

A empresa do mercado finaceiro XP Investimentos pagou por uma palestra secreta feita pelo procurador do Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol, indicam novas mensagens reveladas. O encontro foi realizado no dia 13 de junho de 2018, e o tema era a eleição e a Lava Jeito. Detalhe que essa reunião foi realizada quatro meses antes do pleito presidencial.

Nos diálogos publicados no blog do jornalista Reinaldo Azevedo, Deltan aparece trocando mensagens com Débora Santos, consultora jurídica e política da XP, além de ser casada com um procurador que era auxiliar de Rodrigo Janot, ex-procurador-geral da república.

O convite foi feito a Dallagnol ainda no mês maio e o público que iria participar da reunião eram CEOs e investidores das empresas JP Morgan, Morgan Stanley, Barclays, Nomura Goldman, Sacha Merrill, Lynch Cresit Suisse, Deutsche Bank, Citibank, BNP, Paribas, Natixis Societe, Generale Standard, Chartered State Street, Macquarie Capital, UBS, Toronto Dominion, Bank Royal Bank of Scotland, Itaú, Bradesco, Verde e Santander.

Durante o período que esteve em São Paulo, Dallagnol teve à disposição um motorista particular, além de ter passagem aérea e hospedagem bancados pelo evento.

Fonte: Revista Fórum

Deixe uma resposta