Augusto Nardes não pode ficar impune, diz Paulo Pimenta

postado em: Política | 0

Pelo Twitter, o deputado petista Paulo Pimenta (RS) afirmou na noite deste domingo (20) que Augusto Nardes não pode ficar impune por ter enviado áudio a empresários conclamando ao golpe militar. 

“Eu conheço Augusto Nardes desde quando fomos deputados estaduais no RS nos anos 90. Trata-se de uma raposa experiente e perigosa. Deputado Federal se aproximou de Severino Cavalcanti e foi para o TCU. Denunciado na ZHelotes conseguiu que o inquérito nunca fosse adiante”.

Pimenta ressalta que Nardes “foi decisivo no golpe contra a presidente Dilma Rousseff e em seguida “aproximou-se muito de Bolsonaro e sua família e hoje é da cozinha do clã”. O deputado explica ainda que o ministro do TCU “estabelece relações com o que de pior o agro e as Forças Armadas”. 

Pimenta sublinha que “o áudio vazado é gravíssimo e não pode ficar impune” e adverte que “a sensação de impunidade alimenta monstros e faz de covardes pessoas perigosas”. 

Por fim, o deputado ressalta: “Não podemos dar vitrine aos criminosos golpistas. Pode ser isso o que eles buscam. Cabe ao STF e à PGR agirem com rapidez e firmeza. A defesa da democracia não pode ser transigida e o silêncio neste momento é sinônimo de complicidade. É hora dos democratas dizerem basta”. 

Em mensagem de áudio direcionada a produtores do agronegócio, Nardes defende um levante inconstitucional contra o resultado das urnas e a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva.

Augusto Nardes é ex-deputado ruralista pelo Rio Grande do Sul. No TCU foi o relator da tese farsesca das “pedaladas fiscais” que foi utilizada no golpe de Estado contra a ex-presidente Dilma Rousseff em 2016, processo que deteriorou praticamente todos os indicadores econômicos e sociais do Brasil.

Na mensagem de teor antidemocrático, Nardes diz que estaria havendo um levante por parte de setores de alta patente entre as Forças Armadas. “Está acontecendo um movimento muito forte nas casernas. É questão de horas, dias, uma semana que vai acontecer um desenlace bastante forte na nação, imprevisíveis”, afirmou Augusto Nardes.

com informações Brasil 247

Edição: Fábio Rosário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.