Na reta final, vantagem de Lula sobre Bolsonaro cresce em 7 pesquisas seguidas; leia resultados

postado em: Eleições 2022 | 0

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) viu a vantagem sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL) crescer nas últimas sete pesquisas eleitorais nacionais que analisam o cenário da disputa pelo Palácio do Planalto nas eleições de outubro.

A distância cresceu ou teve variação positiva (dentro da margem de erro) em levantamentos dos principais institutos e empresas de pesquisa do país (DataFolha, Ipespe, FSB, Atlas, Quaest, Ipec e PoderData).

O levantamento considera todos os estudos públicos com registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgados entre 15 e 21 de setembro, exceto um publicado pelo Paraná Pesquisas. O Partido Liberal (PL), do qual faz parte o presidente Jair Bolsonaro, fez pagamentos no valor de R$ 2,7 milhões ao instituto de janeiro a julho deste ano. A empresa também assinou um contrato de R$ 1,6 milhão com o governo federal.

Embora os institutos e empresas de pesquisas apresentem números levemente divergentes nos últimos levantamentos, todas as pesquisas com credibilidade e relevância nacional apontam que a vitória de Lula em primeiro turno é uma possibilidade real.

Relembre as pesquisas:

Datafolha: Lula mantém 45%, Bolsonaro oscila para baixo e tem 33% das intenções de voto

Pesquisa Datafolha, divulgada na quinta-feira (15), mostrou que Lula manteve a liderança da corrida eleitoral com 45% das intenções de voto. Bolsonaro apareceu com 33%, registrando oscilação negativa. Leia aqui.

Pesquisa Ipespe: Lula oscila para cima e chega a 45% das intenções de voto, Bolsonaro tem 35%

Pesquisa Ipespe, divulgada no sábado (17), revelou uma oscilação positiva de Lula, que chegou a 45% das intenções de voto no primeiro turno das eleições. O atual presidente oscilou para baixo e aparece com 35%. Leia aqui.

FSB/BTG: Lula cresce três pontos em uma semana e chega a 44%; Bolsonaro estaciona nos 35%

Pesquisa BTG/FSB, divulgada na segunda-feira (19), apontou que Lula cresceu três pontos percentuais em uma semana e alcançou 44% das intenções de voto. Bolsonaro apareceu com 35%, mesmo percentual da pesquisa anterior. Leia aqui.

Ipec: Lula oscila para cima e pode vencer no primeiro turno

Pesquisa Ipec, divulgada na segunda-feira (19), mostrou que Lula oscilou um ponto percentual para cima, e chegou a 47% do total de intenções de votos. A soma dos votos de todas as demais candidaturas foi de 44%. Bolsonaro seguiu com 31%. Leia aqui.

Atlas: Lula varia positivamente e chega a 48,4%; Bolsonaro tem 38,6%

Pesquisa Atlas, divulgada na terça-feira (20), apontou que Lula lidera a corrida eleitoral com 48,4% das intenções de voto. Bolsonaro contabiliza 38,6%. Na pesquisa anterior, o petista tinha 46,7%, e Bolsonaro 38,3%. Houve, portanto, um crescimento de 1,7 ponto de Lula. O atual chefe do Executivo ascendeu somente 0,3. Leia aqui.

Quaest: Lula sobe 2 pontos, chega a 44% e volta a aumentar vantagem sobre Bolsonaro

Pesquisa Quaest, divulgada na quarta-feira (21), mostrou Lula com 44% das intenções de voto, contra 46% de todos os outros candidatos somados. Em relação ao levantamento anterior, divulgado semana passada, o petista oscilou dois pontos para cima e Bolsonaro se manteve estagnado, aparecendo novamente com 34%. Leia aqui.

PoderData: Lula vai a 44% das intenções de voto contra 37% de Bolsonaro

Pesquisa PoderData, divulgada nesta quarta-feira (21), também revelou que Lula aumentou a vantagem sobre Bolsonaro. O petista teve 44% das intenções de voto contra 37% do ex-capitão. No levantamento anterior, Lula aparecia com 43%. Bolsonaro somava os mesmos 37 pontos. Leia aqui.

Paulo Motoryn: Brasil de Fato | Brasília (DF)

Edição: Rodrigo Durão Coelho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.