Encontro de Promotoras Legais Populares na Redenção marca 15 anos da Lei Maria da Penha

O Programa de Formação de Promotoras Legais Populares foi criado pela Themis em 1993 e, desde então, vem qualificando lideranças comunitárias femininas com informações sobre o funcionamento básico do Estado e do sistema de Justiça, noções de Direito e direitos humanos das mulheres, especialmente sobre violência doméstica e direitos sexuais e reprodutivos, para que atuem em suas comunidades na defesa e na prevenção de violações de direitos. A atuação das promotoras e ativistas está entre as 16 ações recomendadas pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) para enfrentar a violência de gênero no Brasil durante a pandemia.

A Feira de Agricultores Ecologistas (FAE) foi escolhida para dar início ao encontro em razão da parceria entre Themis, Mandala Lunar, Mútua e FAE para garantia a segurança alimentar das PLPs e a troca de conhecimento entre as ativistas e os feirantes. No último mês, 30 PLPs receberam cestas com alimentos agroecológicos oriundos da FAE, uma ação que deve continuar até outubro. Durante toda a manhã, os frequentadores da feira poderão doar alimentos para as cestas das PLPs diretamente na Banca do Meio – espaço institucional, cultural e de ação solidária da FAE, montado aos sábados pela manhã na primeira quadra da Av. José Bonifácio, em frente ao Parque Farroupilha (Redenção).

Fonte: Sul 21

Imagem: Sul 21

Deixe uma resposta