OMS alerta: variante delta ameaça resultados da vacinação contra a covid

A OMS já comunicou que a variante delta será dominante no Brasil dentro de algumas semanas. Por enquanto, São Paulo, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul já identificaram transmissão comunitária do vírus. Ou seja, é uma questão de tempo. Hoje, predomina no Brasil a variante gamma, identificada pela primeira vez em Manaus. Com o avanço da delta, espera-se o aumento de casos. “Se o número de casos aumenta, também aumenta a proporção daqueles que podem ser graves ou exigir internação hospitalar”, afirma o assessor regional em Enfermidades Virais da Organização Pan-americana de Saúde (Opas) e da OMS, Jairo Mendez Rico.

Contudo, os indicadores são positivos. Este é o primeiro início de semana com média móvel de mortes (calculada em sete dias) inferior a mil desde as primeiras semanas de janeiro. O indicador está em 960. Em relação à média de casos reportados em um dia, o número está em 35.120, menor valor desde o dia 29 de novembro do ano passado. O avanço da vacinação segue produzindo bons resultados no país. Hoje, o Brasil tem 20,63% da população totalmente imunizada e 52,24% com o processo já iniciado pela aplicação da primeira dose de alguma das vacinas disponíveis.

Fonte: Sul 21

Imagem: Sul 21

Deixe uma resposta