Brasil falha no combate à COVID-19 e bate novo recorde de mortes

Ao menos 1.656 óbitos ligados ao novo coronavírus foram contabilizados no Brasil nas últimas 24 horas, elevando para 312.206 a quantidade de vítimas fatais da pandemia no país até o momento.

Os dados fazem parte do boletim deste domingo (28) do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). Segundo o órgão, 44.326 novos diagnósticos de COVID-19 foram confirmados ao longo do último dia. Com isso, agora são 12.534.688 casos acumulados desde o início do surto no Brasil. Para ter uma noção, o país está há 12 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de dois mil.

Após desavenças entre o governo brasileiro e lentidão para tomar as ações necessárias, até agora 15.504.363 pessoas receberam ao menos a primeira dose de uma das vacinas contra a COVID-19 no Brasil, o equivalente a 7,32% da população brasileira. A segunda dose foi aplicada em 4.699.784 indivíduos, o que representa 2,22% da população.

Fonte: Sputnik News

Imagem: Sputnik News

Deixe uma resposta