Kataguiri (DEM-SP) quer incluir BB no pacote de privatizações do governo

A população brasileira têm a oportunidade de mostrar a indignação contra o projeto de lei (PL 461/2021) que altera a Lei 9.491 de 1997 e inclui o Banco do Brasil no Programa Nacional de Desestatização. Basta mostrar a contrariedade ao PL na enquete promovida pela da Câmara dos Deputados.

O projeto é de autoria do deputado Kim Kataguiri (DEM-SP), que sempre defendeu a política privatista. O governo Bolsonaro não esconde a vontade de privatizar as estatais, como o BB e demais bancos públicos. Basta observar o desmonte que tem promovido nas empresas. É resistir para salvaguardar o patrimônio público. 

“Kataguiri é e sempre foi um instrumento da política privatista dentro do Congresso Nacional e fora dele. Um simples executor e apoiador dos projetos nefastos do governo Bolsonaro e do (ministro da Economia) Paulo Guedes. Um serviçal do mercado. O deputado justifica o projeto alegando que é muito ‘simples’ privatizar o Banco do Brasil, desconhecendo totalmente sua função pública e os lucros astronômicos produzidos por seus funcionários, que refletem em recursos para a União”, observou o secretário de Relações do Trabalho e responsável por acompanhar os projetos de interesse da Contraf-CUT no Congresso Nacional, Jeferson Meira.

Fontes: Contraf-CUT e SBBA, com edição Seeb Pelotas

Foto: Arquivo SEEB Pelotas

Deixe uma resposta