Datafolha: 72% dos eleitores de SP querem vacinação obrigatória contra a COVID-19

postado em: Coronavirus, Direitos Humanos | 0

Os dados publicados pelo Datafolha são parte de um levantamento feito entre os dias 5 e 6 de outubro na cidade de São Paulo. Ainda segundo a publicação, 79% dos entrevistados disseram que pretendem tomar a vacina caso o imunizante seja disponibilizado, enquanto 17% disseram que não pretendem e 4% afirmaram que não sabem.

A pesquisa também colheu dados sobre a percepção dos eleitores paulistas em relação à pandemia e apontou que a maioria se sente otimista. Para 66%, a pandemia “está melhorando”, enquanto para 18% “está piorando”. Outros 13% afirmaram que “não está melhorando nem piorando”.

Profissional de saúde testa mulher para COVID-19 durante a campanha Bora Testar em São Paulo, 2 de outubro de 2020 

Os pesquisadores também colheram dados sobre a rotina das pessoas. Segundo os resultados, 11% dos entrevistados não mudaram suas rotinas, enquanto 29% disseram que só saem de casa quando é inevitável. Já 59% disseram que saem de casa para trabalhar ou fazer outras atividades, mas tomando cuidado. Já os que disseram que estão totalmente isolados somaram 1%.

São Paulo é o estado mais populoso do Brasil e também o que mais registrou casos e mortes por COVID-19. No total, foram 36.884 óbitos e mais de um milhão de casos registrados. Em todo o Brasil, mais de cinco milhões de casos de COVID-19 foram registrados e o número de mortes ultrapassa a marca de 150 mil

O nível de confiança da pesquisa é de 95%, considerando a margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos. Foram ouvidos 1.092 eleitores na capital paulista com 16 anos ou mais.

Uma pesquisa semelhante foi realizada pelo Datafolha no Rio de Janeiro nos mesmos dias com 900 eleitores, mostrando que 80% dos cariocas pretendem se vacinar e 77% acreditam que a vacina deve ser obrigatória.

Fonte: Sputnik News

Imagem:© REUTERS . Amanda Perobelli

Deixe uma resposta