Pelotas registra o primeiro caso de coronavírus

postado em: Sem categoria | 0

O primeiro caso do novo coronavírus foi registrado, nesta quarta-feira (25), em Pelotas. A confirmação do Laboratório Central do Estado (Lacen/RS) – único do Rio Grande do Sul credenciado para realizar os exames – foi anunciada pela prefeita Paula Mascarenhas, em coletiva de imprensa online. Trata-se de uma mulher, de 71 anos, que se encontra em isolamento domiciliar, com bom estado de saúde, sem apresentar sintomas graves da doença. A senhora teve contato com um familiar que esteve em Porto Alegre recentemente.

 A prefeita salientou que todas as medidas providenciadas pelo Município nas últimas semanas, como a elaboração do Plano de Contingência, a capacitação dos profissionais de saúde, a convocação de novos servidores e o alinhamento dos fluxos de atendimento dos hospitais, foram feitas com o intuito de preparar a cidade, da melhor forma, para o enfrentamento da doença (Covid-19).

“Já sabíamos que esse momento chegaria, infelizmente. Por isso, tomamos medidas de precaução, junto ao Comitê de Crise, antes mesmo do município identificar casos confirmados. Reforçamos nosso pedido de colaboração aos pelotenses, para que sigam se resguardando e saindo de casa apenas nas situações imprescindíveis. Pedimos que se informem e que façam o que a comunidade científica internacional, os médicos e o Ministério da Saúde nos recomendam: resguardo. O isolamento social é o melhor caminho para vencermos o coronavírus”, apontou.

A prefeita destacou a importância de amenizar os impactos da Covid-19 em Pelotas, de forma que o sistema de saúde possa dar as respostas mais efetivas e corretas possíveis, sobretudo, àqueles que apresentarem agravamento dos sintomas. Também assinalou que todos os decretos publicados na última semana, visando à contenção da contaminação na cidade, seguirão vigentes.

Paula frisou que o momento é de solidariedade. “Aquelas pessoas que não precisam sair para trabalhar, que podem ficar em casa porque tiveram suas rotinas alteradas e têm condições de permanecer, façam isso para proteger a si próprio e aos outros, principalmente, os que integram os grupos de risco e podem sofrer mais com o vírus”, disse.

A secretária de Saúde, Roberta Paganini, e o chefe de gabinete da prefeita, Fábio Machado, participaram da coletiva de imprensa nesta quarta.

Caso confirmado

A Prefeitura de Pelotas, através da Secretaria de Saúde, monitora a situação da senhora, de 71 anos, bem como a de seus familiares, realizando o rastreamento técnico e averiguando os possíveis contatos que tiveram com outras pessoas.

O familiar que esteve em Porto Alegre está em isolamento e não teve sua amostra analisada já que, conforme a orientação, o exame deve ser feito entre o terceiro e o sétimo dia após a identificação do primeiro sintoma. Neste caso, a pessoa contatou o Município após este período.

Fonte: Diário da Manhã

Deixe uma resposta